sábado, 8 de fevereiro de 2014

Vereadora Hortência Regalado participa da assembléia mensal na comunidade de Trapiá.


Aconteceu agora a pouco mais uma reunião mensal dos pequenos agricultores na comunidade de Trapiá, com a presença do presidente Audivan, o tesoureiro Francimar, o secretário Tasso, o coordenador da defesa civil Jerlândio Moreira, a vereadora Hortência Regalado, e todos os associados presentes, no início o presidente falou sobre a confraternização do sindicato dos trabalhadores rurais de Apodi que completou 50 anos de luta em prol do pequeno produtor apodiense, em seguida falou sobre o abastecimento de água da comunidade. 

O coordenador da defesa civil esteve presente para esclarecer algumas dúvidas sobre o abastecimento de água aos associados, e falar sobre a entrega dos filtros distribuídos pelo governo federal, foi explicado na reunião que a equipe da defesa civil fará um recadastramento de todos os beneficiados com o programa carro pipa, para ter um melhor controle de abastecimento de água, os agricultores não gostaram da mudança de pasta, é que antes a secretaria de agricultura era quem abastecia a comunidade com cerca de 10 pipas de água ao mês, e a coordenação da associação faria uma espécie de rodízio, garantindo que a água chegasse em todas as residências porém depois que a defesa civil assumiu esse compromisso, dificultou um pouco pois a água ficou mais centralizada na caixa central, depois de muita conversa Jerlândio garantiu fazer como os sócios acharem melhor, porém dentro da legalidade do programa.


A vereadora Hortência Regalado esteve presente ouvindo os sócios e suas reivindicações, a vereadora falou sobre a visita do deputado Henrique Alves em Apodi, "reforcei novamente o pedido ao deputado, para que nosso sonho possa se concretizar, e a perenização do rio umarí possa realmente virar realidade, não tenho nenhum deputado, mais não me envergonho de sair de gabinete em gabinete pedindo para que nos ajude nessa luta, estive em natal visitando o deputado Hermano Morais para que o mesmo conseguisse uma reunião minha com o DENOCS, essa semana estarei retornando a natal para essa reunião, e levarei esse assunto a eles, para saber como realmente anda esse projeto". Disse a vereadora, o presidente explicou a dificuldade financeira de manter a associação, e perguntou se existia algum meio de adquirir recursos, a vereadora explicou que trouxe uma equipe do RN sustentável até Apodi, e que explicaram como esses investimentos serão aplicados, e chegaram até as associações, porém a vereadora disse que tudo ficou mais difícil depois que Rogério Marinho entregou a pasta de secretário, a vereadora explicou que ficou sem ligação com o governo, a vereadora ainda disse que nessa ida a natal tentará falar com a equipe responsável pelo programa.

Como sempre a grande participação, dos agricultores foi destaque, a associação de Trapiá é uma das mais organizadas, e sempre se reúne em assembleias para discutir melhorias para o bem da coletividade.


Ao final da Reunião ouve distribuição de doces caseiros.

Emerson Medeiros-Da Redação

quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014

Vereadora Hortência Regalado diz: A gestão atual tem que ter um rumo.


A vereadora Hortência Regalado usou a tribuna hoje para falar de diversos assuntos o primeiro deles foi sobre os servidores municipais, começou dizendo que estava a disposição dos servidores, e que a luta dos mesmos é legítima, e que não só ela, mas, toda a câmara está a disposição da classe,a vereadora lamentou a forma como os servidores vem sendo tratados e se perguntou sobre qual setor foi priorizado,"muito tem se falado no transformação, um projeto grandioso, mas, que em 2014 virou um pesadelo, e que o executivo colocou a culpa na câmara municipal, olho para a saúde municipal e sinceramente não vejo prioridade, por que o vereador aqui na câmara é o primeiro político que quando a população está carente a porta bate cedo,e eu tenho certeza que um município que trata a saúde com prioridade, não precisa de um vereador como intercessor, aqui eu coloco a juventude será que a juventude tem sido tratada com prioridade, e eu respondo não, pois ainda não existe um perímetro legal para que a juventude possa receber apoio e desenvolver seus tão sonhados projetos, olho a agricultura e também não vejo prioridade, vejo nosso vale um dos maiores produtores de arroz do estado, mas que não tem investimento, acredito em uma gestão que enfrenta os problemas de frente e fiquei muito envergonhada ao saber que nossos servidores foram recebidos com a polícia.", explanou a vereadora, a gritos e aplausos dos servidores.

Ainda no grande expediente Hortência falou sobre sua participação na assembléia legislativa estadual, "estive ontem na assembléia legislativa falei sobre o vale do Apodi que é exemplo nacional e estadual e em sua produção, sobre a nossa chapada quando mostrei a pedra exposta lá no Natal Shopping que foi retirada do solo apodiense mostrei que nossa cidade tem potencial e só precisa de investimentos, Apodi é uma cidade que tem muitos universitários mais não tem uma universidade, até quando nós vamos viver nessa frustração, vivermos na boca dos políticos estaduais como o que sobrar vai pra Apodi por que nossa cidade não é organizada?, eu não vejo isso nossa cidade é organizada sim, vejo isso nas associações das comunidades rurais, no sindicato dos trabalhadores rurais, temos aqui uma classe de servidores organizados, então temos que priorizar essas associações"

A vereadora ainda falou sobre o básico que deixou e está deixando de ser feito na atual gestão," a farda escolar tem que ser entregue, a merenda escolar tem que ser entregue, a educação tem que ser melhorada, o servidor não pode deixar de ser ouvido, a limpeza pública tem que acontecer, a cidade tem que funcionar,o carnaval ele tem que acontecer pois faz parte da cultura do município, é um ponto que faz com que nossa cidade invada o estado, o que me dói mais é o disse me disse, é ficarem procurando culpados ao invés de tentar solucionar os problemas,não podemos perder tempo pois é isso que o povo precisa de solução,eu fico preocupada em ver a administração de Apodi sem prioridade, sem rumo, quero dizer ao executivo que sente com os servidores, que sente com os vereadores pois faz muito tempo que o prefeito não senta com os vereadores como todo, escute nossa juventude, escute nossos agricultores, por que eu vejo uma coisa o executivo não tem poupado o market, Apodi ta muito bem no Market, muito se fala em UBS, mais eu me preocupe por que erguer um prédio é difícil, mais muito mais difícil é dar estrutura para se poder fazer o serviço, finalizo minhas palavras dizendo que o senhor prefeito priorize a zona rural, priorize o servidor, cuide da educação pois é seu dever como professor,quero dizer a Apodi que eu não irei me calar diante do erro, pois sou uma pessoa sensata e não estou cobrando coisas tão difíceis de resolver estou cobrando o básico". Finalizou a jovem tucana

Emerson Medeiros-Da Redação

terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

Moradora do Vale diz: estou esperando minha casa de alvenaria.

Luís e Cidinha.

Ontem a caminho da cidade fui parado pela senhora cidinha residente da comunidade de Cipó, a mesma pediu pra mim tirar uma foto da casa dela, pra ver se o prefeito se lembrava de sua promessa, a mesma disse que o jovem comunista chegou lá com uma conversa muito bonita dizendo que ela não podia morar em uma casa daquela, que era direito dela, e que assim que entrasse na prefeitura isso acabaria pois não permitiria que filhos do Apodi morassem em casas do tipo.

O senhor Luís disse "sempre votei nos candidatos do PMDB mais acreditei nele, e infelizmente votei e torci muito pela sua vitória, depois que ganhou ele nem aqui pisou, pra explicar se o projeto das casas iria sair, se ainda vai demorar, nada, só ví ele passando aqui na frente".

Eu ainda expliquei aos moradores que tem que vir um projeto que beneficie todos, e que ainda há tempo para a concretização desse sonho, os mesmos disseram que esperam uma resposta, outras pessoas da comunidade de bamburral também esperam a visita do prefeito.

Emerson Medeiros-Da Redação